domingo, dezembro 27, 2009

Ato 5.

"Não tenha medo de apertar o gatilho sobre a tempora amena da consciência reprimida. Mate-a antes que se conforme."

2 comentários:

Anônimo disse...

Corna. Deveria ter ido ao Porão do Beco sexta-feira.

Pâmela Martini disse...

Virei corna sexta feira ou a festa tava muito boa?